Qualidade de Vida Relacionada à Saúde e Risco de Comorbidade Cardiovascular ao Diagnóstico de Câncer de Mama

Autores

  • Suzana Sales de Aguiar Coordenação de Pesquisa Clínica do Instituto Nacional de Câncer José Alencar Gomes da Silva (INCA). Rio de Janeiro (RJ), Brasil.
  • Graziele Marques Rodrigues Departamento de Epidemiologia e Métodos Quantitativos em Saúde (DEMQS)/Escola Nacional de Saúde Pública Sérgio Arouca/Fundação Oswaldo Cruz (Ensp/Fiocruz). Rio de Janeiro (RJ), Brasil.
  • Larissa Nascimento dos Santos Coordenação de Pesquisa Clínica do Instituto Nacional de Câncer José Alencar Gomes da Silva (INCA). Rio de Janeiro (RJ), Brasil.
  • Raphaela Nunes de Lucena Coordenação de Pesquisa Clínica do Instituto Nacional de Câncer José Alencar Gomes da Silva (INCA). Rio de Janeiro (RJ), Brasil.
  • Julia de Melo Ramirez Medina Coordenação de Pesquisa Clínica do Coordenação de Pesquisa Clínica do Instituto Nacional de Câncer José Alencar Gomes da Silva (INCA). Rio de Janeiro (RJ), Brasil. Rio de Janeiro (RJ), Brasil.
  • Karen de Souza Abrahão Departamento de Epidemiologia e Métodos Quantitativos em Saúde (DEMQS)/Escola Nacional de Saúde Pública Sérgio Arouca/Fundação Oswaldo Cruz (Ensp/Fiocruz). Rio de Janeiro (RJ), Brasil.
  • Luiz Claudio Santos Thuler Coordenação de Pesquisa Clínica do Instituto Nacional de Câncer José Alencar Gomes da Silva (INCA). Rio de Janeiro (RJ), Brasil.
  • Ines Echenique Mattos Departamento de Epidemiologia e Métodos Quantitativos em Saúde (DEMQS)/Escola Nacional de Saúde Pública Sérgio Arouca/Fundação Oswaldo Cruz (Ensp/Fiocruz). Rio de Janeiro (RJ), Brasil.
  • Anke Bergmann Coordenação de Pesquisa Clínica do Instituto Nacional de Câncer José Alencar Gomes da Silva (INCA). Rio de Janeiro (RJ), Brasil.

DOI:

https://doi.org/10.32635/2176-9745.RBC.2019v65n3.713

Palavras-chave:

Doenças Cardiovasculares, Neoplasias da Mama, Comorbidade, Qualidade de Vida

Resumo

Introdução: A literatura sugere que mulheres com doenças cardiovasculares apresentam pior qualidade de vida ao diagnóstico de câncer de mama. Objetivo: Avaliar a associação entre a qualidade de vida relacionada à saúde (QVRS) e as doenças cardiovasculares ao diagnóstico de câncer de mama. Método: Estudo transversal com mulheres diagnosticadas com câncer de mama. A QVRS foi avaliada pelos questionários European Organization for Research and Treatment of Cancer Quality of Life Questionnarie (EORTC QLQ-C30) and Breast Câncer Module (QLQ-BR23) e a comorbidade por meio da Cumulative Illness Rating Scale Geriatric (CIRS-G). Foram calculadas as diferenças entre as médias dos escores de QVRS e comorbidade. A associação foi avaliada por regressão logística múltipla. Resultados: Foram incluídas 953 mulheres com média de idade de 54 anos (DP±11,7). Apresentavam alguma comorbidade ao diagnóstico de câncer de mama 84,1% das mulheres. O sistema coração foi afetado em 10,8% e o sistema vascular em 48,2%. Após ajuste, observou-se associação entre os escores das funções física e sexual e problemas nos sistemas coração e vascular. Foi ainda observada associação entre os piores escores de dor e dispneia e o sistema coração. Em relação à presença de doenças no sistema vascular, este esteve associado à melhor satisfação sexual, melhor perspectiva futura e piores sintomas na mama. Conclusão: A QVRS se mostrou associada a doenças cardiovasculares em pacientes com câncer de mama em relação à função física, sexual, satisfação sexual, perspectivas futuras e as escalas de sintomas (dor, dispneia e sintomas na mama).

Downloads

Não há dados estatísticos.

Publicado

2019-12-23

Como Citar

1.
Sales de Aguiar S, Marques Rodrigues G, Nascimento dos Santos L, Nunes de Lucena R, de Melo Ramirez Medina J, de Souza Abrahão K, Santos Thuler LC, Echenique Mattos I, Bergmann A. Qualidade de Vida Relacionada à Saúde e Risco de Comorbidade Cardiovascular ao Diagnóstico de Câncer de Mama. Rev. Bras. Cancerol. [Internet]. 23º de dezembro de 2019 [citado 22º de janeiro de 2022];65(3):e-12713. Disponível em: https://rbc.inca.gov.br/revista/index.php/revista/article/view/713

Edição

Seção

ARTIGO ORIGINAL