Efetividade da Musicoterapia na Redução da Ansiedade de Pacientes Oncológicos: Revisão Sistemática

  • Carolina Barbosa Neres Hospital Universitário de Brasília. Brasília (DF), Brasil.
  • Keyla de Paula Barbosa Programa de Pós-Graduação em Ciências da Reabilitação (PPG-CR)/Universidade de Brasília (UnB). Brasília (DF), Brasil.
  • Patrícia Azevedo Garcia Programa de Pós-Graduação em Ciências da Reabilitação (PPG-CR)/Universidade de Brasília (UnB). Brasília (DF), Brasil.
  • Aline Teixeira Alves Programa de Pós-Graduação em Ciências da Reabilitação (PPG-CR)/Universidade de Brasília (UnB). Brasília (DF), Brasil.
  • Liana Barbaresco Gomide Matheus Programa de Pós-Graduação em Ciências da Reabilitação (PPG-CR)/Universidade de Brasília (UnB). Brasília (DF), Brasil.
Palavras-chave: Musicoterapia, Ansiedade/terapia, Neoplasias

Resumo

Introdução: O câncer é uma doença que envolve extenso sofrimento emocional, físico e social, o que favorece o aparecimento de diversas morbidades, incluindo ansiedade. Terapias complementares, como a musicoterapia, têm sido estudadas como alternativas para a abordagem da ansiedade. Objetivo: Revisar sistematicamente os estudos e determinar a efetividade da musicoterapia na redução da ansiedade de pacientes oncológicos. Método: A pesquisa foi realizada em seis bases de dados incluindo MEDLINE/PubMed, SciELO, Scopus, CINAHL, Cochrane e Web of Science, sem restrição de data, sexo, etnia ou tipos de câncer. Foram incluídos somente ensaios clínicos randomizados que avaliaram a ansiedade como um dos desfechos, bem como os que utilizaram a musicoterapia como intervenção e que envolveram amostra com indivíduos adultos diagnosticados com câncer. Foram excluídos os estudos em que a musicoterapia não foi realizada por um profissional especializado, não foi proposto grupo controle, não foi disponibilizado o estudo na integra, associaram pacientes com outras doenças além do câncer e incluíram no grupo experimental outra intervenção além da música. Resultado: Foram encontrados 1.909 estudos, sendo oito elegíveis. A maioria dos estudos demonstrou benefícios da musicoterapia na ansiedade. Conclusão: A musicoterapia é efetiva na redução da ansiedade de pessoas com câncer. No entanto, mais estudos com novas tecnologias e mais detalhes sobre a intervenção são necessários para a confirmação dos resultados.

Downloads

Não há dados estatísticos.
Publicado
2020-01-27
Como Citar
1.
Barbosa Neres C, de Paula Barbosa K, Azevedo Garcia P, Teixeira Alves A, Barbaresco Gomide Matheus L. Efetividade da Musicoterapia na Redução da Ansiedade de Pacientes Oncológicos: Revisão Sistemática. Rev. Bras. Cancerol. [Internet]. 27º de janeiro de 2020 [citado 7º de dezembro de 2021];65(4):e-08592. Disponível em: https://rbc.inca.gov.br/revista/index.php/revista/article/view/592
Seção
REVISÃO DE LITERATURA