Cuidado Farmacêutico ao Paciente da Oncopediatria: Construção de Cartilhas Educativas para o Tratamento das Leucemias Linfoblásticas Agudas

Autores

  • Thuane Sales Gonçalves Universidade Federal de São Paulo (Unifesp), Escola Paulista de Medicina (EPM). São Paulo (SP), Brasil. https://orcid.org/0000-0003-1163-2225
  • Lídia Freitas Fontes Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG), Faculdade de Farmácia (Fafar). Belo Horizonte (MG), Brasil. https://orcid.org/0000-0002-3860-2408
  • Ana Virgínia Lopes de Sousa Universidade Federal de São Paulo (Unifesp), Instituto de Oncologia Pediátrica (IOP). São Paulo (SP), Brasil. https://orcid.org/0000-0001-8479-6322
  • Mariana Martins Gonzaga do Nascimento Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG), Faculdade de Farmácia (Fafar). Belo Horizonte (MG), Brasil. https://orcid.org/0000-0003-2183-4365
  • Paulo Caleb Júnior de Lima Santos Universidade Federal de São Paulo (Unifesp), Escola Paulista de Medicina (EPM). São Paulo (SP), Brasil. https://orcid.org/0000-0002-8297-0793

DOI:

https://doi.org/10.32635/2176-9745.RBC.2024v70n2.4578

Palavras-chave:

Educação em Saúde, Prospecto para Educação de Pacientes, Pediatria/educação, Leucemia-Linfoma Linfoblástico de Células Precursoras, Relações Profissional-Paciente

Resumo

Introdução: Pacientes pediátricos com leucemia linfoblástica aguda (LLA), considerado o câncer infantil mais comum, demandam
cuidado complexo, que inclui uma terapêutica com múltiplas etapas e de difícil compreensão pela população em geral. Nesse contexto,
o déficit de conhecimento em saúde foi identificado como uma das causas da diminuição da autoeficácia em saúde, podendo impactar
adversamente o tratamento das doenças. Portanto, torna-se imperativa a adoção de estratégias que possam efetivamente auxiliar os
pacientes e seus cuidadores para aprimorar seus conhecimentos sobre o processo terapêutico da LLA. Objetivo: Descrever a elaboração e o contexto de utilização de um material educativo direcionado aos cuidadores e pacientes pediátricos diagnosticados com LLA, submetidos ao protocolo de tratamento ALL IC-BFM 2009. Método: Estudo descritivo da elaboração de cartilhas abordando detalhes sobre cada um dos medicamentos a serem administrados durante o referido protocolo. A confecção das cartilhas foi conduzida por uma farmacêutica, revisada por uma médica oncologista pediátrica e um segundo farmacêutico. Realizou-se também a análise da legibilidade textual por meio do software ALT®. Resultados: Foram confeccionadas sete cartilhas, cada uma relacionada a uma fase do protocolo de LLA. As cartilhas apresentaram alta legibilidade, com um texto considerado simples, contendo em média 21,5% de palavras complexas. Conclusão: Acredita-se que o material elaborado pode apoiar o uso apropriado de medicamentos para crianças em tratamento de LLA, podendo ser aprimorado ou adaptado para novos cenários e realidades.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Referências

Instituto Nacional de Câncer. Câncer no Brasil: dados dos registros de base populacional. Rio de Janeiro: Coordenação de Educação CEDEC; 2010.

Melaragno R, Carmargo B. Oncologia pediátrica - diagnóstico e tratamento. 1. ed. São Paulo: Atheneu; 2013.

Lima Santos PCJ. Cuidado farmacêutico aos pacientes com câncer, hepatite, HIV/AIDS, dengue e outras doenças. 1. ed. São Paulo: Atheneu; 2019.

Mutti CF, Paula CCD, Souto MD. Assistência à saúde da criança com câncer na produção científica brasileira. Rev Bras Cancerol 2010;56(1):71-83. doi: https://doi.org/10.32635/2176-9745.RBC.2010v56n1.1537 DOI: https://doi.org/10.32635/2176-9745.RBC.2010v56n1.1537

Campbell M, Kiss C, Zimmermann M, et al. Childhood acute lymphoblastic leukemia: results of the randomized acute lymphoblastic leukemia intercontinental-Berlin-Frankfurt-Münster 2009. Trial J clin oncol. 2023;41(19):3499-3511. doi: https://doi.org/10.1200/JCO.22.01760 DOI: https://doi.org/10.1200/JCO.22.01760

Nath UK, Chattopadhyay D, Bakliwal A, et al. Encouraging results with ALL IC-BFM 2009 protocol therapy in pediatric acute lymphoblastic leukemia/lymphoma in resource-limited setting: a single-center study from India. Blood. 2019;134:5118. DOI: https://doi.org/10.1182/blood-2019-127985

Trujillo AM, Linares Ballesteros A, Sarmiento IC. Intensive chemotherapy in children with acute lymphoblastic leukemia. Interim analysis in a referral center in Colombia. Rev Fac Med. 2016;64:417. DOI: https://doi.org/10.15446/revfacmed.v64n3.53961

Bandura A. Social foundations of thought and action: a social cognitive theory. Englewood Cliffs: Prentice-Hall; 1986.

Barreiro RG, Lopes MVDO, Cavalcante LDP. Middle-range theory for the nursing diagnosis of low self-efficacy in health. Rev Bras Enferm. 2020;73:e20190370. DOI: https://doi.org/10.1590/0034-7167-2019-0370

Blaschke TF, Osterberg L, Vrijens B, et al. Adherence to medications: insights arising from studies on the unreliable link between prescribed and actual drug dosing histories. Annu Rev Pharmacol Toxicol. 2012;52:275-301. DOI: https://doi.org/10.1146/annurev-pharmtox-011711-113247

Julius RJ, Novitsky MA, Dubin WR. Medication adherence: a review of the literature and implications for clinical practice. J psychiatr pract. 2009;15(1):34-44. DOI: https://doi.org/10.1097/01.pra.0000344917.43780.77

Krueger KP, Berger BA, Felkey B. Medication adherence and persistence: a comprehensive review. Adv Therapy. 2005;22:313-56. DOI: https://doi.org/10.1007/BF02850081

O’Brien MK, Petrie K, Raeburn J. Adherence to medication regimens: updating a complex medical issue. Med Care Rev. 1992;49(4):435-54. DOI: https://doi.org/10.1177/002570879204900403

ATL Software [Internet]. Santo Domingo: ATL Software; 2006. [acesso 2023 dez 15]. Disponível em: https://atl-software.net/en/atl-software/

Moreno GCL, Souza MPM, Hein N, et al. ALT: Um software para análise de legibilidade de textos em língua portuguesa. Policromias. 2023;8(1):91-128. DOI: https://doi.org/10.61358/policromias.v8i1.54352

Conselho Nacional de Saúde (BR). Resolução n° 466, de 12 de dezembro de 2012. Aprova as diretrizes e normas regulamentadoras de pesquisas envolvendo seres humanos. Diário Oficial da União, Brasília, DF. 2013 jun 13; Seção I:59.

Coutsouvelis J, Corallo CE, Dooley MJ, et al. Implementation of a pharmacist-initiated pharmaceutical handover for oncology and haematology patients being transferred to critical care units. Support Care Cancer. 2010;18(7):811-6. DOI: https://doi.org/10.1007/s00520-009-0713-4

Oliveira SC, Lopes MVO, Fernandes AFC. Development and validation of an educational booklet for healthy eating during pregnancy. Rev Latino-Am Enfermagem. 2014;22(4):611-20. doi: https://doi.org/10.1590/0104-1169.3313.2459 DOI: https://doi.org/10.1590/0104-1169.3313.2459

Santos SLF, Torres Mormino KBN, Alves HHDS, et al. Uso seguro de medicamentos em gestantes: construção e validação de uma cartilha educativa. REAS/EJCH. 2020;(49):e3274. doi: https://doi.org/10.25248/reas.e3274.2020 DOI: https://doi.org/10.25248/reas.e3274.2020

Costa CIA, Pacheco STDA, Soeiro G, et al. Temas para construção de material educativo sobre alimentação da criança com leucemia. Rev Bras Cancerol. 2022;68(1):e-231821. doi: https://doi.org/10.32635/2176-9745.RBC.2022v68n1.1821 DOI: https://doi.org/10.32635/2176-9745.RBC.2022v68n1.1821

Schwappach DLB. Review: engaging patients as vigilant partners in safety: a systematic review. Med Care Res Rev. 2010;67(2):119-48. doi: https://doi.org/10.1177/1077558709342254 DOI: https://doi.org/10.1177/1077558709342254

Grootens-Wiegers P, Vries MC, Vossen TE, et al. Readability and visuals in medical research information forms for children and adolescents. Sci commun. 2015;37(1):89-117. doi: https://doi.org/10.1177/1075547014558942 DOI: https://doi.org/10.1177/1075547014558942

Ménoni V, Lucas N, Leforestier J-F, et al. Readability of the Written Study Information in Pediatric Research in France. PLOS ONE. 2011;6(4):e18484. DOI: https://doi.org/10.1371/journal.pone.0018484

Moreno GCL, Souza MPM, Hein N, et al. ALT: um software para análise de legibilidade de textos em língua portuguesa [Preprint]. 2022. [postado 2022 mar 23, revisado 2023 ago 27]. doi: https://doi.org/10.48550/arXiv.2203.12135

Publicado

2024-06-07

Como Citar

1.
Gonçalves TS, Fontes LF, Sousa AVL de, Nascimento MMG do, Santos PCJ de L. Cuidado Farmacêutico ao Paciente da Oncopediatria: Construção de Cartilhas Educativas para o Tratamento das Leucemias Linfoblásticas Agudas. Rev. Bras. Cancerol. [Internet]. 7º de junho de 2024 [citado 13º de junho de 2024];70(2):e-144578. Disponível em: https://rbc.inca.gov.br/index.php/revista/article/view/4578

Edição

Seção

ARTIGO ORIGINAL