Dados do Inquérito Brasileiro de Nutrição Oncológica em Pediatria: Estudo Multicêntrico e de Base Hospitalar

Autores

  • Nivaldo Barroso de Pinho Sociedade Brasileira em Nutrição Oncológica (SBNO). Rio de Janeiro (RJ), Brasil. https://orcid.org/0000-0002-1438-168X
  • Wanélia Vieira Afonso Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ), Instituto de Nutrição Josué de Castro (INJC). Instituto Nacional de Câncer José Alencar Gomes da Silva (INCA), Hospital do Câncer I (HCI), Seção de Nutrição e Dietética. Rio de Janeiro (RJ), Brasil. https://orcid.org/0000-0002-5315-5730
  • Patrícia de Carvalho Padilha UFRJ/INJC. UFRJ/Instituto de Puericultura e Pediatria Martagão Gesteira (IPPMG). Bolsista de Produtividade do Conselho Nacional de Pesquisa (CNPq). Rio de Janeiro (RJ), Brasil. https://orcid.org/0000-0003-0221-7732
  • Wilza Arantes Ferreira Peres UFRJ/INJC. Bolsista de Produtividade do CNPq. Rio de Janeiro (RJ), Brasil. https://orcid.org/0000-0003-0269-5363
  • Carolina Fernandes de Macedo Soares UFRJ/INJC. Rio de Janeiro (RJ), Brasil. https://orcid.org/0000-0003-3084-7889
  • Juliana Silva do Nascimento Braga UFRJ/INJC. Rio de Janeiro (RJ), Brasil. https://orcid.org/0000-0003-3118-874X
  • Arthur Orlando Corrêa Schilithz INCA. Rio de Janeiro (RJ), Brasil. https://orcid.org/0000-0003-2457-3965
  • Viviane Dias Rodrigues INCA/HCI/Seção de Nutrição e Dietética. SBNO. Rio de Janeiro (RJ), Brasil. https://orcid.org/0000-0003-2243-438X
  • Renata Brum Martucci INCA/HCI/Seção de Nutrição e Dietética. SBNO. Instituto de Nutrição da Universidade do Estado do Rio de Janeiro. Rio de Janeiro (RJ), Brasil. https://orcid.org/0000-0002-3354-4229

DOI:

https://doi.org/10.32635/2176-9745.RBC.2021v67n4.1289

Palavras-chave:

Estado Nutricional, Pediatria, Neoplasias, Inquéritos Epidemiológicos

Resumo

Introdução: A desnutrição e observada em crianças com câncer e está associada a desfechos clínicos negativos. Objetivo: Descrever a prevalência de inadequação do estado nutricional de crianças e adolescentes com neoplasia maligna na admissão hospitalar em Centros de Referência do câncer infantil no Brasil. Método: Estudo transversal aninhado a um estudo de coorte, multicêntrico, de base hospitalar. A amostra probabilística foi feita em dois estágios em cada estrato por Macrorregião pelo método de probabilidade proporcional ao tamanho com um ano de coleta em cada instituição. Foram coletados em 13 instituições de referência dados clínicos, antropométricos, de composição corporal e sobre o questionário de Avaliação Nutricional Subjetiva Global Pediátrica (ANSGP), em até 48 horas da admissão hospitalar, entre marco de 2018 e agosto de 2019. Resultados: O estudo totalizou 723 pacientes nas cinco regiões do Brasil. A prevalência de desnutrição moderada e grave foi de 25,9% na faixa etária de 2 a 5 anos, 40,1% de 5 a 10 anos e 39,7% de 10 a 19 anos, de acordo com ANSGP. Segundo o Índice de Massa Corporal/Idade (IMC/I), magreza e magreza acentuada totalizaram 13%, risco de sobrepeso, sobrepeso e obesidade apresentaram uma prevalência de 26,7% de 2 a 5 anos; 24,9% de 5 a 10 anos; e 25,7% de 10 a 19 anos. Conclusão: Evidenciou-se alta prevalência de inadequação nutricional pela ANSGP, sugerindo que a desnutrição pode ser subdiagnosticada quando utilizado somente o IMC/I, fortalecendo a necessidade de utilização de métodos complementares na avaliação nutricional de crianças com câncer.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Publicado

2021-11-18

Como Citar

1.
Pinho NB de, Afonso WV, Padilha P de C, Peres WAF, Soares CF de M, Braga JS do N, Schilithz AOC, Rodrigues VD, Martucci RB. Dados do Inquérito Brasileiro de Nutrição Oncológica em Pediatria: Estudo Multicêntrico e de Base Hospitalar. Rev. Bras. Cancerol. [Internet]. 18º de novembro de 2021 [citado 6º de outubro de 2022];67(4):e-081289. Disponível em: https://rbc.inca.gov.br/index.php/revista/article/view/1289

Edição

Seção

ARTIGO ORIGINAL

Artigos mais lidos pelo mesmo(s) autor(es)